Pedro Carné, Lidiane Andrade, Letícia Zago

  • Havana Room 1 Broadway Cambridge, MA, 02142 United States

Reunião PUB-Boston de Carnaval: Filosofia da Matemática, Proteoma de Microalgas e Educação em Ciência!

- Programação:

18h30 – 19h00
Chegada dos participantes, avisos

19h00 – 19h20
“Pensamento Singular e Conhecimento Matemático”
Pedro Carné
Doutorando (PDSE CAPES)
PUC-Rio / Tufts University

Filosofia e Matemática relacionam-se intelectualmente desde as suas origens. Platão, por exemplo, teria inscrito no pórtico de sua Academia “que não entre aquele que não souber Geometria”; e René Descartes — por muitos é considerado “o pai da Filosofia Moderna” — criou o plano que até hoje carrega seu nome. Inserindo-me nessa tradição, pretendo desenvolver o problema de como nos referimos aos objetos utilizados no desenvolvimento matemático, bem como o tipo de pensamento que formulamos nesse processo. Localizado na fronteira entre diversas questões debatidas na filosofia contemporânea, espero assinalar a correspondência entre os conceitos utilizados através da investigação do fenômeno epistêmico conhecido como “pensamento singular”.

19h30-19h50
“Caracterização da composição proteica de microalgas e a parceria empresa-universidade no doutorado sanduíche”
Lidiane Maria de Andrade
Doutoranda em Eng Quimica, POLI/USP
Bruker Corporation, MA

Visando reduzir as emissões de gases poluentes na atmosfera, podemos destacar os biocombustíveis produzidos a partir de microalgas. Dentre os principais desafios na utilização de microalgas para biocombustíveis, encontra-se o desenvolvimento de um banco de dados detalhado sobre as coleções microbianas, bem como a rápida identificação das espécies. Esse trabalho engloba uma parceria empresa/universidade durante o período de doutorado sanduíche e tem por objetivos o desenvolvimento de uma metodologia de caracterização das proteínas de diferentes espécies de microalgas para posterior identificação de sua espécie.

20h-20h30
Sessão Brainstorming – Educação em Ciência: o caso Ensino e Aprendizagem em Fisica (Moderna)”
Letícia Zago
Graduação em Licenciatura em Ciências Exatas – Habilitação em Física, USP São Carlos.
Visiting student – SEAS- Harvard University.

Essa sessão especial conta com a apresentação de um caso sobre técnicas de ensino e aprendizagem em Física desenvolvidas para um curso undergrad do Harvard College. Gostaríamos de convidar a todos para debater semelhanças e diferenças em relação ao ensino da Ciência no Brasil, especialmente no Ensino Médio. Como nossa realidade se compara ao exemplo apresentado? Quais as diferenças e similaridades culturais/sociais/ambientais podem contribuir ou atrapalhar a adoção de novas/melhores prãticas de Educação em Ciência no Brasil? Qual é o nosso papel nessa história?